“Esquecidos” por Francis.co

 inauguração da exposição “Esquecidos” por Francis.co terá lugar no próximo sábado, dia 13 de Agosto, pelas 16h00, na sala de exposições do piso 1 do Museu e Centro de Artes de Figueiró dos Vinhos e estará patente ao público até ao dia 31 de Agosto.

Durante a edição de 2021 do FAZUNCHAR, os mais atentos puderam observar o deambular, as pausas, a concentração, as perguntas e os desenhos do ilustrador Francis.co pelas ruas do centro histórico de Figueiró dos Vinhos.

“ESQUECIDOS” é a resposta ao desafio lançado para a realização de uma residência artística de desenho.

Sem rumo definido, rapidamente o ganhou e a sua obsessão por ‘casas’ transformou-se numa única missão, a de registar o abandono, as histórias, as texturas e os porquês de um momento específico daquelas construções. Um tempo, passado, que nos traz agora até ao presente, como memória visual, provocando a reflexão sobre o seu futuro.

 

 

 

Relógios Despertadores

A exposição “Relógios Despertadores” – coleção particular encontra-se patente ao público, na sala de exposições temporárias do piso 1 do MCA, entre os dias 15 de julho e 7 de agosto de 2022.
O colecionador despertou para esta paixão há mais de 30 anos, constituindo, ao longo do tempo, uma coleção com relógios de origens tão diversas como a antiga URSS, a Roménia, a Alemanha, a China, os EUA e Portugal. Destacam-se os relógios de viagem, com caixa de transporte e ainda vários exemplares da marca portuguesa Reguladora.
 
 
 
 

Concerto - Pedro Janela

No próximo dia 28 de maio, pelas 21:00 horas, venha ao Museu e Centro de Artes assistir ao concerto de Pedro Janela, acompanhado por um quarteto de cordas, tendo como convidado especial André Sardet!

PEDRO JANELA

Compositor e pianista

Um pintor combina cores, formas e texturas para criar ilusões… Pedro Janela é um compositor que esculpe notas, ritmos e instrumentos, criando ambientes onde nos transporta com a sua música… abrindo “janelas” (como o seu nome), para esse mundo onde interpreta o tempo e o espaço ainda não explorado. É um compositor de sonhos, cenários, ambientes…

Criativo e inovador, explora novos processos e recursos. Mentor da banda “Casino Royal”, integra também outros projetos, onde se incluem várias bandas sonoras para o cinema, tais como: “Quinze pontos na Alma”, “República”, “Jacinta”, “Al Berto” e “Soldado Milhões”, entre outros.

QUARTETO DE CORDAS

Os “Arcos d’Almedina” surgem em Coimbra em 2014. Apesar da sua formação clássica, cedo se deixaram influenciar por outros estilos, possuindo um repertório invulgar e algo irreverente, que traz o brilho das cordas com arco aos mais variados géneros musicais.

ANDRÉ SARDET

Nasceu em Coimbra, alcançou um sucesso reconhecido e bem definido na música portuguesa, como cantor e compositor.

Do “Azul do Céu” até às canções atuais, foi sempre estudando e viajando, conhecendo outros músicos. Conta já com 26 anos de carreira.

 

 

 

“Figurinos” – Aguarelas de Margarida Herdade Lucas

A exposição “Figurinos” – Aguarelas de Margarida Herdade Lucas, integrada nas comemorações do 25 de Abril do Município de Figueiró dos Vinhos, será inaugurada pelas 17h30, da próxima segunda-feira, dia 25 de Abril, na sala de exposições temporárias do piso 1 do Museu e Centro de Artes.
O Regresso à pintura de Margarida Herdade Lucas, agora em aguarela, teve como inspiração os desenhos das revistas de moda desde os anos 30 até à atualidade, designados “Figurinos” nas primeiras décadas do século XX.
Inspiradores no género figurativo, mas acusando já um pós-modernismo, estes desenhos foram sendo gradualmente substituídos pela fotografia, que se vai depois afirmando como arte, aproveitando as novas tecnologias de design e impressão.
Assim, ficam os desenhos dos figurinos para rever épocas, estilos e vivências. Para desfrute de todos.
Fica o convite para visitar esta exposição, que ficará patente no MCA até ao dia 3 de Julho.
 
 
 
 

Exposição "Domingos Loureiro"

O Museu e Centro de Artes de Figueiró dos Vinhos apresenta amanhã, dia 2 de abril, a exposição "Domingos Loureiro" - Coleção Particular, que estará patente ao público no MCA até ao dia 17 deste mês (piso 1).
Domingos Loureiro nasceu em Valongo e é doutorado em Arte e Design pela Universidade do Porto. Acumula a sua atividade de artista visual com a de Professor Auxiliar na Faculdade de Belas Artes da Universidade do Porto, no Departamento de Artes Plásticas – Pintura. Acumula diversos cargos e funções associados à Academia e é autor e editor de diversos documentos científicos e académicos. Artista premiado, com interesse em pintura e paisagem contemporânea, conta no seu currículo com exposições em diversos países tais como Portugal, Espanha, França, Inglaterra, Bélgica, Itália, Irlanda, EUA, Brasil, Japão, Alemanha, Canadá e Holanda.
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Museu na Aldeia. Cercal vai ao Museu e Centro de Artes de Figueiró dos Vinhos. Arte em comunidade"

O Museu e Centro de Artes de Figueiró dos Vinhos (MCA) e a Sociedade Artística Musical dos Pousos (SAMP) apresentam a exposição "Museu na Aldeia. Cercal vai ao Museu e Centro de Artes de Figueiró dos Vinhos. Arte em comunidade", organizada no âmbito do Projeto Museu na Aldeia, da Rede Cultura 2027, que estará patente ao público entre os dias 23 de março e 11 de maio de 2022.
 
Museu na Aldeia é um projeto de intervenção artística e social que interliga museus e comunidades por meio das artes. Na sequência da fase O Museu vai à Aldeia, quando peças de museus foram apresentadas nas aldeias, as comunidades foram convidadas a aplicar as suas memórias e saberes no desenvolvimento de uma peça artística. Estas peças de valor comunitário e riqueza social e cultural tão ímpar, vão agora, nesta próxima fase, ocupar o seu lugar de destaque no Museu. Vamos celebrar mais uma importante etapa do projeto num espetáculo artístico interativo que nos guiará entre dança e música até à obra criada pela comunidade de Cercal. 
 
 
 
 

Exposição de Fotografia “A Ver Figueiró Dos Vinhos” 2021


Esta exposição exibe os trabalhos inseridos no Concurso de Fotografia "A Ver Figueiró dos Vinhos" 2021, promovido pelo Município de Figueiró dos Vinhos juntamente com os Municípios de Saint Maximin (França) e Perkata (Hungria), com a temática “Descobrir Figueiró dos Vinhos – Um Postal a Cores”.